[NOTÍCIAS DA IGREJA]

Evangelização: o que mais cresce em plataformas sociais como Facebook e Instagram é o vídeo.

Se você não sabe,  já estamos vivendo em um mundo de mídia social orientado para “vídeo”. Mais e mais conteúdo que mais cresce em plataformas sociais como Facebook e Instagram é o vídeo.

Se você deseja alcançar mais pessoas e criar mais impacto para a sua evangelização, então você precisa entender que todas as plataformas de redes sociais estão se movendo em direção a essa ideia de que o vídeo é a principal opção de publicação de conteúdo.

Por exemplo, Mark Zuckerberg disse: “Há dez anos, a maioria do que compartilhavamos e consumiamos on-line era o texto. Agora são fotos, e logo mais será vídeo. “- Mark Zuckerberg

 Aqui estão algumas estatísticas importantes para você entender como acontece o consumo de vídeo em plataformas sociais:

1) 85% dos vídeos no Facebook são assistido sem som (mudo).

Você sabia que o vídeo do Facebook possui uma ferramenta de legenda mágica que adicionará legendas automaticamente ao seu vídeo? Você pode entrar e fazer pequenos ajustes nas legendas antes de sua postagem entrar em ação.

Infelizmente este recursos está apenas disponível em inglês. Você até pode ter um vídeo seu com áudio em português, porem a legenda irá aparecer em inglês. Em breve imagino que o Facebook irá lançar esta ferramenta com suporte em português.

2) 52% do público do Facebook prefere conteúdo de vídeo pré-gravado, enquanto 48% prefere conteúdo de vídeo ao vivo.

É um empate técnico. Na verdade eles não se importam tanto sobre a maneira que você sobe este vídeo, muito embora o Facebook dê mais impulso orgânico a vídeos que são feitos ao vivo. Neste caso, o ao vivo tende a ter um alcance inicial bem maior que o vídeo gravado.

3) 39% do público do Facebook é mais propenso a assistir “vídeos com legendas” até o final. Legenda retem a atenção do internauta.

Quer mais engajamento e interação? Use legendas/Subtitles que o resultado do seu vídeo será ligeiramente melhor.

4) Os consumidores de vídeos do Facebook são mais propensos a interagir e assistir até o final as seguintes temáticas de vídeo:

  • Vídeos informais de Bastidores – “causa muito comentário”
  • Vídeos engraçados – “Curtir e compartilhar”
  • Vídeos educacionais – “Compartilhar”
  • Vídeos emocionais “Like and Share”

5) 63% do público decide em menos de 30 segundos se vai ou não vai assistir o vídeo até o final (43% do publico decide em menos de 15 segundos!)

O que você aprende com isso? Você precisa capturar a atenção do usuário para o seu vídeo nos primeiros 15 segundos. Esqueça aberturas e artes gráficas longas. Pule logo para o que interessa, afinal você só tem 15 segundos pra segurar a atenção e audiência. Se vira nos 15.

6) Apenas 39% dos produtores de conteúdo estão criando vídeos quadrados e/ou verticais.

O consumo digital de vídeo acontece em sua grande esmagadora maioria pelo smartphone, na tela do celular.  Vídeo quadrado se destaca e é claramente o caminho a seguir para alcançar mais pessoas. Os vídeos quadrados são maiores em uma tela de smartphone do que um vídeo normal de dimensão 16: 9 como estamos acostumados em uma TV ou no próprio youtube. Use vídeo quadrado, isso fará seu público parar. Não quer dizer que o 16: 9 não funciona. Mas que há uma oportunidade bem maior em alcançar a atenção do publico ao usar o formato quadrado.

Lembrando que isto é um hábito de consumo em uma rede social como Facebook e Instagram, tendo em vista, que o Youtube é altamente relevante usando formatos 16:9, mas o Youtube é um canal de vídeo e muitos usuários ao usa-lo em tela cheia precisa rotacionar o celular.

7) 84% do público do Facebook está assistindo vídeos em um dispositivo móvel

Referente ao ponto 6, tudo o que ajudar o seu vídeo a ser mais visto é bom. Além disso, quando as pessoas estão no celular elas são muito mais propensas a passar pela timeline rapidamente. Obter a atenção inicial ao passar o mouse ou dedo é muito importante.

8) 56% da audiência do Facebook, assiste vídeos à noite, e 38% muito tarde da noite.

O público geralmente tem mais tempo a noite para assistir o vídeo, e é interessante que foi detectado que bem tarde da noite também tem uma grande quantidade de pessoas assistindo vídeos. Isso se dá pelo habito que muitas pessoas tem, (“eu tambem faço muito isso”) de surfar pela timeline do Facebook enquanto estão deitados na cama antes de dormir.

Portanto, o agendamento torna-se especialmente importante. Se você criar um vídeo longo e publicá-lo na parte da manhã, é menos provável que seja visto.

Fonte: https://blog.comshalom.org/carmadelio/53509-evangelizacao-o-que-mais-cresce-em-plataformas-sociais-como-facebook-e-instagram-e-o-video