Cathédrale Saint-Etienne
CATEDRAL DE SANTO ESTEVÃO
Diocese de Meaux - França


 
Oito Séculos de testemunho e transmissão de Fé

A diocese de Meaux festejou no dia 12 de junho de 2017 a dedicação da Catedral Basílica de Meaux, França, igreja mãe da diocese dedicada ao protomártir – Santo Estevão – e sede do bispo. Tendo sua construção iniciada em 1175 e pertencente ao estilo gótico, a catedral é conhecida por sua extraordinária clareza se comparada às outras igrejas do mesmo estilo. Local de encontros diocesanos, ordenações sacerdotais e assembleias sinodais, ela é mais do que um monumento cultural ou um patrimônio arquitetônico francês, é antes um testemunho histórico da fé.

 

Ao visitar o exterior da catedral, pode-se notar que as estátuas dos santos e anjos não possuem cabeça, e assim se conserva até hoje, para se recordar da pilhagem e do sacrilégio cometido na catedral durante a Revolta Protestante na qual a catedral foi saqueada e depredada.

Muitos curiosos vêm até a catedral de Meaux para visitar a sepultura de Bossuet, o mais ilustre e celebre bispo de Meaux. Conhecido como extraordinário orador, Bossuet possui em sua honra, duas estátuas que podem ser visitadas no interior da catedral.

 

Aos consagrados da Comunidade Católica Palavra Viva foi confiada a acolhida, a animação espiritual da Catedral-basílica a pedido do Bispo de Meaux, Dom Jean-Yves Nahmias. Os consagrados animam na catedral ou na capela da Catedral o Antigo Cabido dos Cônegos, as missas do Conselho episcopal bem como a via Sacra ou outros momentos de evangelização. Na catedral de Meaux, os consagrados da Missão Palavra Viva exercem o seu carisma próprio, particularmente no anúncio do evangelho, mas também na dimensão do resgate ao sagrado, como faz lembrar regularmente o reitor da Catedral, Cônego Philippe Legrand: “A catedral não é um museu, é um local de acolhida e evangelização.”